segunda-feira, 9 de novembro de 2015

7 dicas para identificar o ano de uma Shovelhead


A foto acima foi feita pelo pessoal do Maverick Club em um evento de antigomobilismo na Penha, no Rio de Janeiro. Como não trazia nenhuma descrição, mostro aqui algumas dicas para identificar o ano da moto no visual. As setas indicam as dicas abaixo (clique na foto para ampliar):

1 - As tampas dos cabeçotes são bem características, em forma de pá quando vistas de cima, e com os parafusos da ponta dos eixos dos balancins bem à mostra quando vistos de lado. Trata-se, portanto, de uma Electra Glide com motor shovelhead, fabricadas entre os anos de 1966 e 1984.

2 - O distribuidor está posicionado na lateral do cilindro dianteiro, mostrando ser uma Shovelhead Generator fabricada entre os anos de 1966 e 1969, e não uma bicuda (nosecone) fabricada de 1970 a 1984.

3 - O dínamo/alternador fica posicionado à frente do cilindro dianteiro, deixando claro que trata-se de uma Shovelhead Generator.

4 - A confirmação de que não só o motor foi fabricado entre 1966 e 1969, é a presença o freio dianteiro a tambor. Contudo, é bom lembrar que até 1971 algumas shovel também vieram com estes freios.

5 - A tampa do comando de válvulas tem formato de rim (kidney gear cover) somente instalados nas shovel de 1966 a 1969.

6 - A bomba de óleo é de alumínio. As bombas de ferro foram produzidas até 1967 e, a partir dai, foram substituídas pelas de alumínio. Portanto, esta moto só pode ser de 1968 ou 1969.

7 - Por final, a ausência de pedal do kick start reforça que trata-se de uma shovelhead produzida entre os anos de 1968 e 1969, pois em 1968 o kick era opcional, e após, foi abolido.

Agora, para saber exatamente o ano desta moto, só olhando a numeração do motor.

Chuto 1968!

Nenhum comentário: