domingo, 20 de julho de 2014

Problemas no tambor de freio traseiro da Shovel 66

A Aracy está com 48 anos de idade. Peguei no bagaço. O preço disso é que cada peça reclama uma atenção diferenciada.

Demora prá terminar, parece obra de igreja, mas é assim mesmo. Paciência...


Os amortecedores traseiros estavam com os 4 coxins ressecados e rasgados. Depois que os substituí, ao tentar reinstalá-los, percebi que um dos eixos de suporte do amortecedor esquerdo estava com a rosca espanada.

Refeita a rosca no Helmut, consegui terminar essa parte.


Animado, parti para reinstalar a roda traseira. Antes, decidi tratar a ferrugem que tinha tomado o tambor e o sistema de freios.

O tambor parece maltratado mas acho que ainda dá um caldo. A coroa de 51 dentes está meia-vida e ainda funfa por uns bons quilômetros.


Porém, quando fui reinstalar os freios na roda, vi que três das cinco roscas do tambor estavam espanadas. Ou seja, nêgo andou com esta moto com apenas dois parafusos sustentando o tambor.

Taí mais uma peça que merece cuidado... e mais uma boa dose de paciência.

4 comentários:

Anônimo disse...

Baita dedicação Show !

Abç

Lobo.

Anônimo disse...

habla don pedron,
quantos dentes tem o pinhão?
outra: ainda tem o cinto preto coca cola tamanho 95-100 cm?
abraço
americo.ney@gmail.com

Fred Chad disse...

Pedrao,boa noite,restautação è fogo ,falta pouco para fazer um ano que tirei o motor do galaxie. abs Chad

Pedrão disse...

Américo,
O pinhão tem 22 dentes.
O cinto preto disponível é para linhas do equador entre 108 a 114 cm.
Quando voltar a produção, peça um que faço para você.
Abs,
Pedrão