sábado, 6 de julho de 2013

Troca da corrente da primária da Shovel 69

 Os que acompanham o blog sabem que não tirei a corrente da primária, mas fiz o aperto e deixei a flexão recomendada nos manuais.

Contudo, duas coisas chamaram minha atenção. A primeira foi quando li em algum fórum gringo que os mecânicos costumam inverter o suporte do tensor para ganhar alguns milímetros de aperto quando a corrente está antiga. De fato, a posição de fábrica é invertida e cheguei a fazer este registro à época.

A segunda foi num papo com o Cmte Lobo, que me alertou para um "embarrigamento" muito grande da corrente quando tensionada. Foi daí que decidi trocá-la.

A corrente antiga tem 82 elos, 41 para cada segmento paralelo. Comprei uma da Diamond com o mesmo número de links.


Para travar o pinhão duplo usei uma ferramenta da Jims, que nada mais é do que um tarugo de ferro que encaixa entre os dentes do pinhão e da coroa da primária.


Soltei a porca que prende o pinhão com um soquete de 1 3/8" e fiz o torque com um canão de 1,5 metros.  


Tirei fora a saboneteira junto com o suporte, liberando a corrente.


Pronto! Pinhão duplo, corrente e tambor de embreagem estão fora da moto. Aqui, a corrente será substituída por uma nova, assim como o pinhão duplo.

Agora, vou partir para sacar o carretel de embreagem, a tampa traseira da primária, consertar a merda que fiz deixando a corrente secundária embolar na guia do pinhão e trocar o pinhão por um novo.

Aliás, aquilo lá atrás deve estar com sujeira de 40 anos acumulada. Uma boa limpeza certamente será bem vinda.

Nenhum comentário: