sexta-feira, 3 de maio de 2013

Ladrão do bura

Quem vem acompanhando a guerra, lembra do dia em que quebrei o ladrão da cuba do carburador quando limpava.

Essa postagem recebeu o título de "Tem dia que é foda". Clique aqui para vê-la.

O caso é que, como o ladrão quebrou bem na base, ele acabou ficando cotó. No primeiro teste com a Aracy, percebi que o alerta do Hadys havia se confirmado: a bóia não fecha a agulha antes de atingir o nível do tubo do ladrão.

A tentação em vedá-lo era grande, mas isso impediria a dissipação dos gases formados dentro da cuba.

Acho que agora tá resolvida a parada.



Nenhum comentário: