quinta-feira, 7 de março de 2013

Thermotape na shovel

Mantive os escapes originais. Mas, como eles estavam enferrujados e com  manchas impregnadas, resolvi recobrí-los com uma Thermotape.

Primeiro precisei limpá-lo e recuperá-lo minimamente, conforme pode ser visto nesta postagem aqui: 

 Comprei uma manta titanium de 2 polegadas de largura por 25 pés de comprimento da marca DEI. O fabricante promete uma resistência direta ao calor de 980 ºC, e 1.400 ºC de radiação de calor.

O consumo médio para tubos de 1-3/4" (caso do escape da shovel), considerando uma sobreposição de 1/4 entre uma volta e outra, é de 38" por pé, ou seja, cerca de 1 metro a cada 30 centímetros.



Eu consumí um pouco mais que isso pois usei uma sobreposição entre 1/2 e 1/4. E foi a conta!


Usei abraçadeiras de inox para prender bem as extremidades, afinal aí vai calor, vento, chuva, poeira e a manta tem que estar bem fixa. 


Instalei dissipadores de calor nas saídas, também chamados pelos gringos de "shark teeth".


Usei a mesma ponteira que veio na moto, um cone de alumínio que oferece um acabamento bacana ao escapamento. 




Depois da zona, o motor está quase pronto.

Mas ainda tem a elétrica, as rodas, farol...

2 comentários:

Zap disse...

Pedrão to acompanhando todos os posts e essa motoca tá ficando muito foda, parabéns cara, num esquece de fazer um vídeo quando você ligar ela pela primeira vez depois de todo esse trampo.

Abraço.

Pedrão disse...

Valeu Zap! Boa sugestão.