segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Tem dia que é foda...

Lá em Guapimirim tem um caminhão circulando com uma frase de para-choque que tunguei para dar título a este post: 

"TEM DIA QUE É FODA..."

E hoje foi um dia desses. Explico: o carb da shovel está com um giglê de alta de 180 e fui dar uma checada para ver se mudo para 175 ou 170, por aí, em razão do funcionamento com mistura excessivamente rica do motor. Mesmo sem mexer ainda, quero ter disponíveis giglês diferentes para poder testar.

Peguei o distinto, abri a cuba e lá pelas tantas senti meu dedo ceder. Putaqueopariu!!! Quebrei a caralha do suspiro do nível de gasolina na cuba, no melhor estilo do "Faça Merda Você Mesmo".


E o pior, a haste quebrou no talo, deixando uma rebarba mínima para uma tentativa de puxar o tôco que ficou dentro do orifício. Tem dia que é foda!


Respirei fundo e contei até 10 antes de jogar pela janela. Depois, peguei todos os alicates de bico que tinha + chaves de fenda fina + chaves de precisão + limas finas + WD + CAR 80 e parti pro ataque. Tava puto.

Tentei o que pude com os alicates. Eles mordiam as bordas mas o beliscão não era suficiente para arrancar o tôco de dentro do orifício. Joguei WD de todo quanto foi modo e nada.

    
Parti para o Plano B: desistir de tirar o segmento inteiro do orifício e tentar desgastá-lo até que saísse aos pedaços. Para isso usei uma lima triangular fina e fui rodando de um lado para outro e limpando.

Estava dando tudo certo até que... a porra da lima quebrou dentro do buraco. PQP!!!!! Agora, além do tôco do tubo, eu tinha colocado um tôco de lima dentro do tubo. Tem dia que é foda mesmo!!!!


Fiquei mais puto ainda e parti para a ignorância. Catei uma broca de aço rápido de 1/8", coloquei na furadeira vertical e comecei a furar os tôcos. Umas 5 rodadas lentas para um lado, e repetia do outro, intercalados com jatos de WD 40.


Numa dessas borrifadas a ponta da lima saiu pelo dreno da agulha. Dei uma animada...

Na foto, a ponta no meio da palma da mão. Mas se reparar, vai ver que o tubo ainda estava dentro do orifício.


Depois de umas boas rodadas com a broca, o segmento do tubo caiu dentro do dreno e com uma borrifada de WD o fdp saiu. Na foto, o pedaço que restou inteiro em cima da cuba.


Reinstalei o segmento do tubo que estava inteiro no lugar e o resultado é que ele ficou cotó. Está pelo menos 5 mm mais baixo, o que pode resultar no vazamento de gasosa antes de completar o nível na cuba. Mas isso só vou saber testando.

Em resumo: tem dia que é foda, mas no final tudo dá certo.

5 comentários:

Murillo disse...

Pedro boa tarde, sou leitor do blog e acompanho todo o seu trabalho para deixar a motoca 100%.É otimo, porque deixa vc em contato com o espirito dela.Minha duvida é a seguinte,o que vc faz nela e tudo de sua vivencia com as motocas?Você já trabalhou com mecanica de HD??. Não tenho uma HD, a minha é uma Virago 250 que sou apaixonado por ela.Já passei por episodios de desmontar e não saber montar e levar empurrando para o mecanico.rsrsrs Parabens pelo trabalho sobretudo por manter uma moto que poucos tem o conhecimento preciso para mexer. Abraço e tudo de bom sempre.

Pedrão disse...

Murillo, na verdade, somente vejo graça em ter uma antiga se puder mexer nela. Poderia levar para uma oficina profissional e só voltar lá para buscar ela pronta. Respeito quem decide por esta solução mas prá mim não rola.

Os mecas da Harley eram treinados e usavam as ferramentas mais picas das galáxias, mas faziam merda atrás de merda. Ora amigo, se é prá fazer merda, deixa que eu mesmo faço.

Gosto de moto. Mentira! Gosto de Harley. Não tem, explicação.

Un abrazo,

Pedrão

Badá disse...

Pedrão,

Tenho uns gicles aqui comigo.

Vai quelê?

Eram da 883. Tudo zero.
Presente de natal.

Pedrão disse...

Vou querer sim Badá. Obrigado.

Hadys disse...

Coloque um tubo mais longo por fora desse ou a boia ficará muito baixa para não vazar pelo ladrão e tem tudo para dar falta.
Abçs