domingo, 25 de novembro de 2012

Polimentos na shovel...

Não consegui retirar um dos cinco parafusos do cabeçote traseiro. Não tinha chave que entrasse. O parafuso é muito junto do cilindro e a espessura da chave tem que ser mínima. Ou passo o esmeril na chave e reduzo a espessura dela, ou vou atrás de um soquete "magro" de 14 mm estriado para ver se resolvo.

Então, para não parar o serviço, este foi um fim-de-semana de polimentos...

Primeiro, a retirada da craca da cabeça do pistão dianteiro.


Acima, o estado do pistão completamente coberto por depósitos. Essa fuligem é dura como pedra e não sai fácil. A única forma de tirar isso é mecanicamente, conforme mostrei na postagem passada sobre a limpeza da câmara de combustão.


Como resolvi deixar o cilindro no lugar, mantive a junta para proteger a face do cilindro e tapei os buracos com fita crepe para não cair sujeira dentro, principalmente o duto de irrigação de óleo.

Entre o fio de uma faca, a ponta de uma chave de fenda e uma escova de aço, optei pela última. 


Aqui, meio caminho andado de um processo demorado de umedecer com gasolina e passar a escova. O grande problema era o acúmulo de resíduos nas bordas, exatamente onde o pistão desliza dentro da camisa. Sujeira por alí nunca é bom. Perdi  uma boa parte do tempo limpando essa borda.



A chave de fenda serviu para o arremate de limpeza nos vincos e na parte externa do cilindro.


Aqui o resultado final do pistão limpo. Não pus CAR 80 aqui porque fiquei receoso dele descer pela parede do cilindro. Achei melhor apenas a limpeza mecânica.

Passei então para o eixo de embreagem.


O eixo de embreagem é uma peça em formato de "L" que fica debaixo do tanque de óleo. Como se vê na foto acima, o eixo estava todo descascado e escuro.


Com um soquete 5/8" saquei o eixo com a retirada da porca de fixação.


Passei a escova de aço removendo a pintura antiga e a oxidação.


Resultado final.

Agora... a tampa "cabeça de pá" do cabeçote eu mandei para um profissional.


Aqui, a tampa antes do polimento.


Antes do polimento...


Acima, depois do polimento.


A parte de baixo da tampa, após o polimento.


É camarada, ficou brilhando feito lombo de pão dôce.

Imagina isso depois de instalado na motoca? Não vejo a hora...

Nenhum comentário: