terça-feira, 23 de outubro de 2012

Vai encarar?

Saimos na sexta, eu e Il Capo, decididos a cumprir os cerca de 550 Km pela BR 101. Tralhas na moto, barraca, colchão, pertences, capas de chuva e disposição de sobra. Paramos no Posto Remon logo cedo para a benção do tiozinho que calibrava o "burro sem rabo". Foi quando decidimos ir pela Dutra. Bora pro TWB!


Gosto de rodar com o Capo. Tem boa sincronia comigo na estrada, tem excelente senso de direção, ritmo parecido com o meu e sabe bem manejar um GPS preso ao guidão. Juro que não é antipatia besta, mas rodar em grupos grandes já não me apetece.

Em Aparecida do Norte, paramos para umas preces. Ficamos umas 2 horas por lá e já na saída conhecemos o dono do melhor chopp Heinneken da área: Frederico Chade. Esse boa praça é leitor do blog e me reconheceu. Tiramos fotos, conversamos e fomos apresentados à sua bela máquina. Uma Fat foscassa customizada muitíssimo bem cuidada.
 

Valeu o presente Chade! Nos acompanhou durante toda a viagem. E entregamos ao Cleber da CD8 sua encomenda. Ele gostou muito.

Voltamos para a estrada até uma estalagem em Ribeirão Pires, SP.

Sábado de manhã, um sol bacana e bermudas prá rodar até o evento. Fomos recebidos pelo Celso, um dos organizadores do TWB e amigo do Rafael aqui do Rio, e montamos acampamento. Fomos os primeiros a chegar no camping (e os últimos a sair do evento).


A partir daí é que a cobra fumou. Logo mais, algumas impressões sobre o TWB 2012.

3 comentários:

Anônimo disse...

Los Pedros,foi um prazer tê-los conhecidos,passando por aqui pare para uma prosa. Por favor me mande o n. do seu telefone,pois meu telefone deu pau e perdi seu n. Abs frederico chad

Pedrão disse...

Habla Chade,
Te mandei um e-mail.
Un abrazo do Hecho

il Capo. disse...

Grande Chad! Valeu pela acolhida e pela escolta. Rumo ao sul, a sugestão é fazer uma parada em Aperecida. Energia de sobra pro resto da trip.