terça-feira, 29 de maio de 2012

O mais belo escape.

Há uns anos atrás ví um escape em um evento em Itaipava que quase me fez jogar fora meu V&H. Que espapamento!!! Escape duplo de 2,5 polegadas enroscado um no outro no sentido longitudinal da moto, ocupando toda a sua lateral.

Brilhava feito lombo de pão dôce, com o azul característico de altas temperaturas na saída dos cabeçotes. A ponteira de saída era em bizel e terminavam as duas juntas voltadas para baixo. Lembro que a moto era de uns customizadores do Sul. Curitiba talvez.

Decerto que estão longe de serem os escapes ideais, sobretudo porque restringem demais a saída dos gases. Mas que são uns dos mais belos e loucos que vi, disso não tenho dúvida. Como nunca mais vi aquela trança de tubos, fica aqui uma ideia para quem quiser se aventurar.

Não adianta. Tem sempre alguém mais doido que você.



Um comentário:

Garuda disse...

Eu estava lá...