quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

Relocando o Velocímetro da Dyna FXD

Quem tem uma Dyna FXD tem todos os motivos para ser feliz. Essa é uma Harley mesmo. Não que as outras não sejam, mas o espírito das antigas parece encarnado nela. O motor TC96A montado sobre coxins e sem os contrabalanços no vira fizeram essa moto ganhar potência em relação às softails e, de quebra, tremer de perder as obturações da boca. Isso é moto!

De tão pé-de-boi que é a FXD, esqueceram do velocímetro. Colocaram em cima do guidão uma cabeça de ET feia pracaralho e que consegue ficar pior quando o felizardo resolve instalar um riser pullback. Mas, há uma solução. Na verdade, várias, e esse é o barato dessa moto.

De vez em quando recebo uma mensagem de alguém querendo saber qual a solução que dei. Desta vez foi o Darta do FHD. Então, lá vai.

Esse é o suporte do velocímetro original. Descarte-o. É mole. Tire os parafusos que ficam na tampa traseira, desconecte o conector e tome cuidado para não deixar cair o filme com o desenho dos leds. O miolo é branco e blindado. Nem adianta tentar abrir para limpar o vidro. Eu tentei e quase entrei prá galeria do Faça Merda Você Mesmo.

Compre um suporte de velocímetro da Sportster. Observe que ele não tem a projeção que abraça o guidão, ou seja, o suporte da Sportster é afixado apenas pelos parafusos que entram nos furos da extremidade.

Compre esses relocadores. Vende no eBay. Eles irão prender os parafusos da foto nos buracos da extremidade do suporte do velocímetro da Sportster, e a outra ponta dos relocadores irão prender no riser.


Isso vai ficar assim. Relocadores prendendo o velocímetro no riser. A novidade são os batentes de borracha que coloquei porque o aperto dos parafusos não é suficiente para que o conjunto não desça pela ação da gravidade + buracos das pistas brasileiras.

Observe ainda que o aperto do guidão que era feito pelo suporte original, agora é feito por um clamp simples de 4 parafusos.

Um foto lateral mais detalhada do trabalho.

O resultado final. Observe que o velocímetro agora está mais baixo, logo acima do farol.

Esse é o Espírito!!!

7 comentários:

andré disse...

VIVA A HARLEY PARKINSON!

Pedrão disse...

André, um relato: Andei numa Heritage, numa Fat e numa FX. As três com TC96B. Motos de coxa, com todo respeito.

Estêvão Sêco disse...

Valeu Pedrão!!
Vou pedir as peças no e-bay (você lembra se tem algum p/n da J&P?).

Vai ser minha primeira customizada "Faça vc mesmo".. tomara que não dê merda! hahaha

Darta!

Anônimo disse...

Tenho uma FXD e uma Fat Boy. Sem sombra de dúvidas, a Dyna encarna totalmente o espirito HD. Quanto ao guidão optei por uma de Heritage, só precisei mudar os cabos. Ficou show de bola em todos os sentidos.

Ataíde Tenório
ataidetenorio@ig.com.br

andré disse...

Não troco a minha FXD por moto nenhuma! Abs.

Xerêta disse...

Fala andré.. também não troco a FXD não, mas troco o velocímetro hehehe!!

Unknown disse...

Legal, mas, se vc souber de algum para encaixar no suporte da buzina da um alô, já vi umas gringas dessa forma que ficaram legais